Blog

Apaixonar-se é bom, mas cuidado para não ficar cego.

Apaixonar-se é bom, mas cuidado para não ficar cego.

Uma das coisa mais bonitas do mundo, e ao mesmo tempo das mais perigosas, é se apaixonar. Eu vou te explicar…

Realmente, se apaixonar é muito legal, porque você acaba superando diversas dificuldades e vive num estágio de euforia intensa. Isso é muito bom! Porém, devemos ter cuidado porque são sensações e sentimentos que nos cegam.

E o perigo dessa cegueira é perder o senso crítico. Isso acontece em vários situações da vida. Por exemplo, quando você se apaixona por alguém, você vê aquela pessoa sem defeito algum, acredita que é a pessoa perfeita para você, mesmo que seus amigos te digam para ter cuidado. Assim como na época eleitoral, quando você se “apaixona” por um político com um projeto ou uma ideia, se alguém começa a te passar fakenews e você acredita que é verdade. Ou quando é verdade que há algo de errado com o seu candidato e você acaba pensando que é mentira… Repare que a paixão nos cega muitas vezes.

Isso também diz a respeito a projetos, pois às vezes nos apaixonamos tanto por um projeto, especialmente quando é nosso, que quando chega alguém para dar uma sugestão ou aponte uma fragilidade nele, a nossa tendência é não ver defeitos, não ouvir e defender nosso ponto de vista ao invés de prestar atenção, analisar bem e melhorar.

Com isso, não estou querendo dizer que se apaixonar é ruim. Mas ter senso crítico vale muito apena para que depois a gente não se arrependa e deixe de aproveitar melhor algo ou algum relacionamento por sermos cegos e não darmos atenção a pontos de vistas diferentes.

 

Se você quer saber mais sobre Marcelo de Elias, o fundador e curador da Universidade da Mudança, e conhecer as palestras que ele tem à disposição do seu evento, basta entrar neste link.

Mas se você quer assistir trechos de palestras do Marcelo de Elias, aproveite nossa seleção com alguns deles.

Menu